Translate

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

O TRISTE FIM DO NaEL MINAS GERAIS

O triste fim de nosso primeiro porta-aviões


Alex Castro
por
     

Como membro da última tripulação do Nael, não pude deixar de admirar o belo texto escrito no site "Papo de Homem" sobre o destino do Porta-aviões Minas Gerais, e como, apesar de ter sofrido horrores durante quatro anos fazendo parte da equipe do Departamento de saúde, desci triste pelas escadas para ir embora,  sabendo que era o fim de uma era  e alí estava o que se poderia dizer... a Marinha por excelência.
Carlos Gomes.
 
  • O Navio-Aeródromo Ligeiro Minas Gerais (A-11), que serviu em três marinhas de guerra ao longo de cinquenta e seis anos e foi primeiro porta-aviões da Armada brasileira, encontrou seu fim ao lado de tantos outros bravos guerreiros do mar: nas impiedosas praias de Alang, na Índia, maior centro mundial de sucateamento de navios.
  • Cinquenta e seis anos depois de construído, o Minas foi decomissionado em 2001. Era o último dos porta-aviões ligeiros da Segunda Guerra Mundial ainda ativo e também o mais antigo porta-aviões em operação. E, mesmo tendo passado por três marinhas em um século convulsionado, na interessantíssima expressão inglesa, never fired a shot in anger, ou seja, “nunca disparou irritado”, querendo dizer que jamais participou de combates e todos os tiros que disparou foram em treinamentos ou simulações.


 
COMO UM CÃO SACRIFICADO
Ninguém quis o velho Minas, onde tantos homens suaram por tanto tempo. A associação de ex-tripulantes britânicos tentou comprá-lo, para que fosse um museu flutuante, mas não conseguiram levantar o dinheiro. Em julho de 2002, for vendido por cerca de dois milhões de dólares para um estaleiro chinês.
Como um velho cachorro já sem controle sobre as próprias pernas, o Minas Gerais saiu do Rio de Janeiro rebocado, abandonando assim a baía que foi sua casa por quarenta anos, e foi em direção à eutanásia nas areias de Alang, na Índia.



 

sábado, 24 de agosto de 2013

STEVIE NICKS feat.FLEETWOOD MAC - Heroes are hard to find



This assembly with a song originally of  FLEETWOOD MAC and interpreted by QUEEN STEVIE NICKS is a tribute to one of my favourite bands. Love STEVIE NICKS.
YOU TUBE  11/08/2013

GRANDES FILÓSOFOS (BRASILEIROS)

GALERIA DOS FILÓSOFOS GENUINAMENTE BRASILEIROS
Através dos Séculos, filósofos da antiguidade como Zenão, Epicuro, Sócrates e outros, tão desconhecidos pela grande patuléia quanto estes, guiaram a humanidade com seus ensinamentos, que ensinavam com simplicidade, cada um a seu modo, uma forma de viver melhor e sem traumas. Para conhecimento geral, O CLUBE DOS GÊNIOS pesquisou algumas correntes filosóficas Brasileiras usadas atualmente, e mostra um pequeno perfil dos seus criadores. Genuinamente Brasileiros, é claro. Para vocês....
PILANTRUS
Contrário ao estoicismo,deixou o legado do poder
do não-esforço. Foi discípulo de Escrotus, para
quem o trabalho devia ser somente para os otários.
Escritor e escroque de primeira linha, escreveu o
livro "Como vencer com a ajuda dos outros", que
ensinava como criar a cada dia um novo tipo de golpe.
É considerado um pensador moderno, e sua obra permanece atual,
até para os politicos de hoje.



MALUFÉSTELES
Seguidor de Pilantrus. Demagogo inveterado, criou
várias pérolas de retórica que servem até hoje de
referência para o comportamento humano. Contrário
ao Atomismo, que dizia que tudo que existe é composto
de elementos indivisíveis, os átomos, provou que com
algumas obras pode se dividir as verbas destas
infinitésimamente. Comprovou a tese, sumindo com
duzentos milhões num átimo



 

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

FREJAT Fogo de Palha

 
É tão comportada,
não arrisca nada só prá se manter...
Parece que não é de carne e osso...
Oh oh
 
video

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

ESCREVER NÃO É FALAR
- Escrever não é falar.
- Não? Qual é a diferença?
- É exactamente o oposto. Escrever é usar as palavras que se guardaram: se tu falares de mais, já não escreves, porque já não te resta nada para dizer.
 E, escrevendo, poupei as coisas que gostaria de te ter dito e que gostaria que tivesses ouvido.
 ( Miguel Sousa Tavares, em “No teu Deserto”)

sábado, 17 de agosto de 2013

 D.ZEZÉ E OS GADGETS (Texto publicado em 16 de março de 2007)


 




Da infância só lembramos as coisas boas. A minha foi boa, mesmo sem iogurte, video-game ou televisão. Falando nisso, que saudades da  Dona Zezé...





 

Em 1964, (ou seria 1966?) nós conhecíamos dois lugares onde havia televisão, ambos de difícil acesso. No bairro pobre do Monte Picú, nos arredores de Fortaleza ,só uma casa ostentava essa maravilha na sala, e por motivos de perda de privacidade os donos tinham resolvido barrar a entrada da meninada. Nós, inclusive. Eu e minha turma formada pelos meus vizinhos Chiquim e Fransquim, além da Cleide, que aparecia de vez em quando, escondida, porque não ficava bem meninas brincar com meninos. Por um tempo os donos da casa com televisão até que tentaram franquear a entrada da molecada para ver o Zorro, mas desistiram depois de descobrirem que era impossível na hora do jantar comer alguma coisa com mais de vinte pares de olhos famintos olhando para eles. A outra TV era pública e ficava longe, na praça de outro bairro, conhecido como “fuloresta”. A primeira vez que fui na tal praça com meu primo “de maior”, o Manuel, a caminhada de três léguas e o público mal-educado me deixaram com terrível impressão. Dois policiais da Guarda municipal, especialmente designados para guarnecer o armário de concreto onde ficava a maravilha e manter a ordem no local, ligavam a TV ás quatro da tarde quando começava a programação e com o sol à pino não dava pra ver muita coisa no preto e branco da tela. Mesmo quem chegava cedo. Uma multidão já havia ocupado a área VIP munido de bancos,cadeiras de palha e tamboretes. Um movimento tipo avalanche começou no primeiro intervalo e não houve policia que desse jeito na onda que espalhou os bancos, tamboretes e gente pra todo lado, misturando crianças, bêbados e vendedores de refresco.
De qualquer forma, ainda era uma geração sem o vício da telinha. O que a gente gostava mesmo era de correr embaixo das mangueiras e cajueiros no quintal infinito da D. Rosa, se lambuzando de comer manga até cansar. E estávamos praticando nossa dieta favorita no dia em que a Cleide apareceu para nos contar em primeira mão, que sua mãe comprara um liqui-não-sei-o-que. Cleide era meio metida a besta porque a sua casa era uma das poucas na nossa rua que tinha energia elétrica, visto que seu pai tinha um bom emprego como chefe dos contínuos no Banco do Brasil. Estava tentando explicar com mais detalhes a novidade quando ouvimos o barulho de um motor, o que nos fez largar tudo e correr para pegar o caminhão antes que este fosse embora, posto que era uma raridade aparecer um pra gente se pendurar até a esquina onde ficava o boteco do seu Joaquim. O caminhão estava lá parado mas, vendo a multidão que se formara na porta da Dona zezé nos pareceu que havia algo mais importante acontecendo. Tinha mais gente do que no dia que “Zé Oím”, depois cognominado “robô”, caiu do cavalo em cima de uma raiz do cajueiro em frente a minha casa e se quebrou em dez pedaços . Deu tempo de ver o empregado da loja pegar a caixa com um tremendo esforço e caminhar com dificuldade entre a turba que o seguiu até a cozinha, onde colocou, num local previamente preparado, o objeto de primeira (ou última?) geração. Eu e a turma nos esgueiramos curiosos por baixo das pernas dos adultos para ouvir o que o empregado estava falando. Explicava rapidamente o funcionamento do trombolho e, olhando para a meninada ao redor, deu a recomendação de que crianças não podiam ficar muito por perto do bicho ligado, pois poderiam ser sugadas pela força centrífuga se o mesmo estivesse sem tampa.
Dona zezé quis incontinenti testar seu liquidificador com leite e bananas para os convidados e curiosos e segurou com pose de modelo a chave de liga e desliga,que mais me pareceu uma alavanca de trem. Enquanto as crianças eram afastadas, pediram para fazer silêncio e isso tornou a coisa tão melodramática que ao primeiro berro que saiu das hélices do copázio de metal, metade da audiência vazou porta afora apavorada levando tudo que havia pela frente até a rua e se metade ficou, foi petrificada de medo com o barulho que parecia vir das profundas.
D. Zezé, uma mulher à frente do seu tempo, tratou de acalmar a todos distribuindo logo a bananada para os que tinham permanecido na cozinha e todos gostaram tanto que agora relaxados, fingiam estar à vontade fazendo piadas com os que estavam de volta ainda meio desconfiados.
Mas só no dia seguinte D.Zezé pôde ver a encrenca que estava por vir, ao ver a fila que se formava na sua porta, cada vez mais longa. Toda gente conhecida do bairro apareceu querendo fazer suas experiências e misturas, carregando bananas, abacate, mangas e até jaca, triturada com caroços e tudo, o que não agradou muito porque o resultado ficou com gosto de “Emulsão Scott”. O liquidificador caiu no gosto popular, apesar das maldições do Velho “seu” Gerardo, que dizia que aquele barulho era coisa do Demo. Mas, para felicidade da D.Zezé foi um sucesso passageiro. A freqüência foi diminuindo pouco a pouco depois que comadre Cecília, que não cozinhava mais pra ninguém, descobriu que os dois baldes de bananada que sua trupe bebia no almoço e jantar além do lanche, deixara todos empazinados, cheios de bananas até os ouvidos, e ninguém conseguia evacuar porquê todos sabem que banana prende. Já com Dona Geralda aconteceu o contrário, seu pessoal preferia mamão ao leite.
Um belo dia a procura pelo eletro-doméstico cessou de vez. O gadget havia se tornado banal, porque em qualquer lugar do planeta, só nos interessam as novidades. D.Zezé pôde enfim suspirar aliviada, mas por pouco tempo. Ela pediu ao marido uma geladeira.




PRIMEIRO MINISTRO DA CHINA SUGERE 10 MUDANÇAS PARA O BRASIL
O Primeiro Ministro da China, Wen Jiabao, visitou o Brasil recentemente pela primeira vez e supreendeu pelo conhecimento que tem sobre o país, segundo ele, devido o aumento  dos negócios entre Brasil e China, vem estudando nossa cultura, nosso povo, desenvolvimento e nosso governo nos últimos 5 anos e, por isso aproveitou a visita de acordos comerciais para lançar algumas sugestões que, segundo ele, foram responsáveis pelas mudanças e pelo crescimento estrondoso da China nos últimos anos.
Durante uma conversa  com a Presidente Dilma e seus ministros, Wen foi enfático no que ele chama de "Solução para os paises emergentes", que é o caso do Brasil, Índia e outros países que entraram em grande fase de crescimento nos últimos anos, sendo a China a líder absoluta nessa fila.
O que o ministro aponta como principais pontos para que um país como o Brasil desponte e comece a crescer fortemente?
Mudanças imediatas na administração do país, sendo a principal delas, a eliminação de fatores hipócritas, onde as leis insistem em ver o lado teórico e não o prático e real de suas consequèncias, sendo que, para isso o país terá que sofrer mudanças drásticas em seus pontos de vista atuais, como fez a China nos últimos 20 anos, sendo os 10 principais os que se seguem:

1) PENA DE MORTE PARA CRIMES HEDIONDOS COMPROVADOS:
Fundamento: Um governo tem que deixar de lado a hipocrisia quando toca neste assunto, um criminoso não pode ser tratado como celebridade, criminosos reincidentes já tiveram sua chance de mudar e não mudaram, portanto, não merecem tanto empenho do governo, nem a sociedade honesta e trabalhadora merece conviver com tamanha impunidade e medo, citou alguns exemplos bem claros: Maníaco do parque, Lindeberg, Suzane Richthofen, Beira Mar, Elias Maluco, etc. Eliminando os bandidos mais perigosos, os demais terão mais receio em praticarem seus crimes, isso refletirá imediatamente na segurança pública do país e na sociedade, principalmente na redução drástica com os gastos públicos em segurança. A longo prazo isso também reflete na cultura e comportamento de um povo.
2) PUNIÇÃO SEVERA PARA POLÍTICOS CORRUPTOS:
Fundamento:É estarrecedor saber que o Brasil tem o 2º maior índice de corrupção do mundo, perdendo apenas para a Nigéria, porém, comparando os dois países o Brasil está em uma situação bem pior, já que não pune nenhum político corrupto como deveria, o Brasil é o único país do mundo que não tem absolutamente nenhum político preso por corrupção, portanto, está clara a razão dessa praga (a corrupção) estar cada vez pior no país, já que nenhuma providência é tomada, na China, corrupção comprovada é punida com pena de morte ou prisão perpétua, além é óbvio, da imediata devolução aos cofres públicos dos valores roubados. O ministro chinês citou um cálculo abrangendo os últimos 5 anos, o Brasil já computou um desvio de verbas públicas de quase 100 bilhões de reais, o que permitiria investimentos de reflexo nacional. 
3) QUINTUPLICAR O INVESTIMENTO EM EDUCAÇÃO:
Fundamento: Um país que quer crescer precisa produzir os melhores profissionais do mundo e isso só é possível quando o país investe no mínimo 5 vezes mais do que o Brasil tem investido hoje em educação, caso contrário, o país fica emperrado, aqueles que poderiam ser grandes profissionais, acabam perdidos no mercado de trabalho por falta da base que deveria prepara-los, e viram um peso morto para o estado,com o tempo, é normal a mão de obra especializada passar a ser importada, o que vem ocorrendo  cada vez mais no Brasil, principalmente nos últimos 5 anos quando o país passou a crescer em passos mais largos.

4) REDUÇÃO DRÁSTICA DA CARGA TRIBUTÁRIA E REFORMA TRIBUTÁRIA IMEDIATA:
Fundamento: A China e outros países desenvolvidos como os EUA já comprovaram que o crescimento do país não necessita da exploração das suas indústrias e empresas em geral, bem pelo contrário, o estado precisa ser aliado e não inimigo das empresas, afinal, é do trabalho destas empresas que o país tira seu sustendo para crescer e devolver em qualidade de vida para seus cidadãos, a carga tributária do Brasil é injusta e desorganizada e enquanto não houver uma mudança drástica, as empresas não conseguirão competir com o mercado externo e o interno ficará emperrado como já é.
5) REDUÇÃO DE PELO MENOS 80% DOS SALÁRIOS DOS POLÍTICOS BRASILEIROS:
Fundamento: Os Brasil tem os políticos mais caros do mundo, isso ocorre pela cultura da malandragem instalada após a democrácia desorganizada que tomou posse a partir dos anos 90 e pela falta de regras no quesito salário do político. O político precisa entender que é um funcionário público como qualquer outro, com a função de empregar seu trabalho e seus conhecimentos em prol do seu país e não um "rei" como se vêem atualmente, a constituição precisa definir um teto salarial compatível com os demais funcionários públicos e a partir dai, os aumentos seguirem o salário mínimo padrão do país, na China um deputado custa menos de 10% do que um deputado brasileiro. A revolta da nação com essa balbúrdia com o dinheiro público, com o abuso de mega-salários, sem a devida correspondência em soluções para o povo, causa ainda mais prejuízos ao estado, pois um povo sentindo-se roubado pelos seus líderes políticos, perde a percepção do que é certo, justo, honesto e honrado.

6) DESBUROCRATIZAÇÃO IMEDIATA:
Fundamento: O Brasil sempre foi o país mais complexo em matéria de negociação, segundo Wen, a China é hoje o maior exportador de manufaturados do mundo, ultrapassando os EUA em 2010 e sem nenhuma dúvida, a China e os EUA consideram o Brasil, o país mais burocrata, tanto na importação, quanto exportação, além é claro, do seu mercado interno, para tudo existem dezenas de barreiras impedindo a negocição que acabam em muitas vezes barrando o desenvolvimento das empresas e refletindo diretamente no desenvolvimento do país, isso é um caso urgente para ser solucionado.
 
7) RECUPERAÇÃO DO APAGÃO DE INVESTIMENTOS DOS ÚLTIMOS 50 ANOS:
Fundamento: O Brasil sofreu um forte apagão de investimentos nos últimos 50 anos, isso é um fato comprovado, investimentos em infraestrutura, educação, cultura e praticamente todas as demais áreas relacionadas ao estado, isso impediu o crescimento do país e seguirá impedindo por no mínimo mais 50 anos se o Brasil não tomar atitudes fortes hoje.
 
8) INVESTIR FORTEMENTE NA MUDANÇA DE CULTURA DO POVO:
Fundamento: A grande massa do povo brasileiro não acredita mais no governo, nem nos seus políticos, não respeita as instituições, não acredita em suas leis, nem na sua própria cultura, acostumou-se com a desordem governamental e passou a ver como normal as notícias trágicas sobre corrupção, violência, etc, portanto, o Brasil precisa investir na cultura brasileira, iniciando pelas escolas, empresas, igrejas, instituições públicas e assim por diante, começando pela educação patriótica, afinal, um grande povo precisa amar e honrar seu grande país, senão é invevitável que à longo prazo, comecem surgir milícias armadas na busca de espaço e poder paralelo ao governo, ainda mais, sendo o Brasil um país de proporções continentais como é.

9) INVESTIR EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA IMEDIATAMENTE:
Fundamento: Proporcionalmente, o Brasil investe menos de 8% do que a China em ciência e tecnologia, isso começou a ter forte reflexo no país nos últimos 5 anos, quando o Brasil passou a crescer e aparecer no mundo como um país emergente e que vai crescer muito a partir de agora, porém, não tem engenheiria de qualidade, não tem medicina de qualidade, tecnologia de qualidade, não tem profissionais com formação de qualidade para concorrer com os países desenvolvidos que encontram-se mais de 20 anos a frente do Brasil, isso é um fato e precisa ser visto imediatamente, pois reflete diretamente no desenvolvimento de toda nação.

10) MENORIDADE PENAL E TRABALHISTA A PARTIR DE 16 ANOS :
Fundamento: O Brasil é um dos poucos países que ainda possuem a cultura de tratar jovens de 15 a 18 anos como crianças, não responsáveis pelos seus atos, além de proibi-las de oferecer sua mão de obra, isso é erro fatal para toda a sociedade, afinal, o Brasil, assim como a grande maioria dos paises, estão envelhecendo e precisam mais do que nunca de mão de obra renovada, além do que, essa contradição hipócrita da lei, serve apenas para criar bandidos perigosos, que ao atingirem 18 anos, estão formados para o crime, já que não puderam trabalhar e buscaram apenas no crime sua formação. Na China, jovens tem permissão do governo para trabalhar normalmente (não apenas como estagiários como no Brasil) a partir dos 15 anos, desde que continuem estudando e, sim, respondem pelos seus crimes normalmente, como qualquer adulto com mais de 18 anos.
 
DO BLOG "NN BLOG"

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

TELEVISION - Carried away


 
Ontem à noite eu mergulhei até as docas
A água... brilhante e negra
A neve caía levemente e desaparecia
eu senti as velhas cordas se soltarem
Pensei dissolver quando o farol girava
eu fico tão empolgado
Uma vez eu tive um navio, sim, eu tinha um mapa
eu tinha o vento como uma árvore tem seiva
Eu encalhei nestes bancos de barro
fico realizado
Os quartos estavam congelando e é sempre escuro,
mas eu nunca me importava
Sua cabeça era de ouro
Houve relâmpagos em seus braços e, em seguida, o vidro quebrado
Era meio-dia na meia-noite
O dia que nunca termina
A lâmpada sussurra e faz as pazes - tudo foi mais do que eu procurava
Eu me empolguei...

sábado, 3 de agosto de 2013

DISCOS PARA OUVIR ANTES DE MORRER

Out of the Blue is the seventh studio album by the British rock group Electric Light Orchestra (ELO), released in October 1977. Written and produced by ELO frontman Jeff Lynne, the double album is among the most commercially successful records in the group's history.
 
 
Já falei antes sobre este álbum da Electric Light Orchestra, mas aproveitando essa fase em que estou ouvindo muito ELO, quero registrar algumas peculiaridades deste disco duplo criado num surto de criatividade de Jeff Lynne. Todos os detalhes você encontra na wikipédia, então não há mais nada a falar? além da capa e da mania obssesiva de Linne tentar imitar os Beatles, deve se ressaltat a complexa harmonia  que sai desta caixa, uma verdadeira orchestra criativa e epifânica. 
Não dá para destacar nenhuma música isoladamente, pois parece que a obra toda está interligada, pode-se imaginar que este disco deu inicio ao que se costumava  denominar  de disco conceitual, se este não for,não sei qual seria.
Podemos lembrar ainda que esta obra-prima está relacionada no seletíssimo livro 1001 Albums You Must Hear Before You Die.
Muito provavelmente a maior parte das tribos que não sejam fãs da banda nunca vão ter o prazer de ouvi-lo, afinal é apenas um entre tantos discos históricos, mas se você gosta de músicas da era de prata do rock,é bom ouvir, antes de morrer.